Anterior

Mulher morre em consequência de acidente na cidade de Altos

04/04/2020

Anterior

Próxima

A seis meses da eleição duas pré-candidaturas estão polarizadas em Altos

07/04/2020

Próxima
06/04/2020 - 23:41
Com grupo dividido ex-prefeito Fonseca tenta voltar ao poder em Altos

No texto Maxwell da Mariinha, descreve o agora aliado político, Fonseca, de querido e amigo e afirma ainda que Altos só tem a ganhar com a possiblidade de Fonseca vim a ser candidato a vereador no seu grupo e deixa claro a sua admiração pelo médico Fonseca
 Foto: TV E PORTAL O JORNAL 

Maxwell em apoio a Fonseca e Fonseca em apoio a Maxwell

 

Ter ficado fora do poder por oito anos, com certeza não foi nada fácil e deve ter sido um tédio, justamente alguém com um grupo seleto que passou mais de 20 anos afrente do comando administrativo do município certamente é pior ainda. É o caso do médio e ex-prefeito de Altos José Batista Fonseca.

Mas o que estaria impedindo Fonseca de voltar ao poder em Altos? uma série de situações entre as quais problemas com as contas que não fecharam e terminou sendo condenado e inelegível, foi parar nos arquivos da Ficha Suja. Outro grave problema foi a má gestão, governou o município pensando apenas nos apadrinhados ou afilhados políticos.

Os mais de 20 anos que ficou comandando a política do município, não ocorreu avanços sociais e estruturais na cidade, mesmo que tenha feito acanhadas obras, também seria impossível não ter feito nada ao longo de mais de 20 anos.

E como fazer para tentar voltar ao poder novamente? Primeiro arranjar uma pessoa para ficar na linha de frente, assim como fez em 2012, quando tirou o mandato do então presidente da Câmara Luís Carlos e por falar em presidente de Câmara parece coincidência. No é que o novo o indicado de Fonseca é outro presidente da Câmara, isso mesmo? o presidente Maxwell da Mariinha.

Depois Fonseca, tenta reunir o mesmo grupo de 2012, entre eles, vereadores e outras pessoas que se dizem lideranças, pessoas que mesmo sendo beneficiada na gestão da prefeita Patrícia Leal, com cargos e obras, mas estavam nas escondidas em reuniões com Fonseca, isso porque as lideranças políticas entre eles parlamentares que uniram-se a Fonseca novamente, não pensam no povo, mas em si, eles querem mais, mas cargos e mais condições de ficarem fazendo a política do assistencialismo que é o que prevalece.

Hoje temos a seguinte realidade, o médico Fonseca, com problemas judiciais, um “Ficha Suja” e o pior com a marca de sua má gestão impressa na cabeça da população de Altos, mas que é a peça chave, o arquiteto do grupo da oposição, tentando voltar ao poder na cidade. Dizendo ser novo projeto para Altos, como pode um projeto que já foi testado pela população da cidade e perdurou por mais de 20 anos ser novo?

Deixaram para a última hora a filiação de Fonseca ao MDB, achando que isso pode passar despercebido pela população, tentando desvincular sua imagem a imagem do chefe, o pré-candidato da oposição não quis aparece em fotos, achando que dar para enganar o povo. Deixou que o chefe aparecesse ao lado de um apoiador, mas como tinha que fazer alguma coisa, colocou apenas um pequeno texto, admitindo tudo que o texto acima fala.

No texto Maxwell da Mariinha, descreve o agora aliado político, Fonseca, de querido e amigo e afirma ainda que Altos só tem a ganhar com a possiblidade de Fonseca vim a ser candidato a vereador no seu grupo e deixa claro a sua admiração pelo médico Fonseca.  (A redação)

 



Veja mais fotos:




Link:




Deixe seu comentário



Vídeo


Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.